Dino Parque, na Lourinhã

0e63d875-6fb5-4f6a-a593-56f9c0026de0“Vamos ver os dinossauros, queres ir?” Perguntava eu. “Não!” Respondia o Tiago. “Porquê? Tens medo?” E depois de pensar um pouco ele respondia: “Sim!”. E eu dizia sempre: “Não precisas ter medo, os dinossauros são amiguinhos!”. Antes de entrar no parque ouvi-o repetir várias vezes “Os dinossauros são amiguinhos”, e o medo desapareceu!

O Dino Parque é um parque temático ao ar livre, na zona da Lourinhã, inteiramente dedicado aos dinossauros, fruto da riqueza de vestígios encontrados nesta região. São mais de 150 modelos de dinossauros à escala real, distribuídos por cinco percursos pedestres: o Paleozóico, o Triásico, o Jurássico, o Cretácio e o mais recente percurso dos Monstros Marinhos.

À entrada do parque existe um espaço museologico com exposição de fósseis, ovos e esqueletos de dinossauros, património paleontologico que foi descoberto recentemente na região. Existe também um laboratório visível aos visitantes onde se pode observar o trabalho desenvolvido pelos paleontólogos na preparação de fósseis.

De seguida fomos para os trilhos, com a ajuda de um mapa fornecido à entrada, e foi mesmo divertido! O Tiago manteve-se interessado a maioria do percurso, que nos levou cerca de 2 horas a percorrer, motivado também por algumas brincadeiras que íamos fazendo e o Diogo acompanhou-nos sempre, a pé, como o irmão (que passa a vida a imitar), mas teve um pouco de medo, principalmente no trilho do jurássico, em que os dinossauros eram maiores e os ruídos vindos das colunas de som um pouco mais assustadores… mas brincávamos com ele e nem pediu colo! Achei o parque mesmo interessante, até para nós, com muita informação sobre os dinossauros em exposição e a grande admiração dos pequenos eram sempre os dentes… tantos dentes que os dinossauros têm! E que grandes! Ao longo do percurso tem zonas de descanso com mesas e bancos de madeira que nos permitiu parar para um pequeno lanche (o parque possui também um pequeno restaurante e zona que piquenique).

Terminámos no pavilhão de actividades onde é possível realizar algumas actividades relacionadas com a paleontologia, tais como modelagem e pintura de dinossauros, escavação de fósseis entre outras, mas algumas actividades são acrescidas de um custo adicional. O Tiago fugiu da abordagem dos colaboradores e como estávamos todos um pouco cansados decidimos não forçar e terminar a visita por aqui. Saímos contentes por ter corrido tão bem e ainda trouxemos novos amigos!

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s