O meu filho não dá abraços, mas sorri como ninguém!

img_9381O Tiago sempre teve dificuldade em lidar com os sentimentos, em reconhecê-los e obviamente em expressá-los. O choro sempre foi o principal meio de comunicação e durante muito tempo percebíamos o que se passava com ele através de um pouco de “adivinhação”. Aprendemos com o tempo a reconhecer certos sinais que nos dão pistas sobre como ele se está a sentir e, embora ele seja verbal, a linguagem dele é muitas vezes pouco funcional e serve mais para coisas básicas (como sim/não, quero/não quero e um sem número de falas decorados dos desenhos animados). Continuar a ler